fbpx

BLOG T-HOTEL

Marketing Digital: o que é?

A tabela dos elementos do marketing digital para hotelaria, sintetiza o que é o marketing digital. É um guia, uma orientação sobre a vertente da estratégia e da implementação. Aqui encontra os básicos.
/
/

2 minutos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
O Marketing digital é o aproveitamento dos canais e plataformas digitais para a recolha de informação necessária à definição da estratégia de marketing; e por outro lado, a utilização desses mesmos canais na divulgação do produto/serviço chegando à audiência correta no momento correto, convencendo e convertendo as várias audiências em clientes.
 
De modo sintético criámos a tabela dos elementos do marketing digital para hotelaria, como forma de ser um guia, uma orientação sobre todas as áreas sobre as quais há informação a recolher e decisões a tomar.
Para fazer download da tabela clique em: Tabela elementos Marketing Digital Hotelaria (pdf) – inclui descrição de cada elemento.

Desta forma a tabela está dividida em duas grandes áreas:

1. Estratégia
Encontram os pilares (branding, clientes, mercado, concorrência, produto, serviço) cuja informação disponível via marketing “tradicional” deverá agora ser revista e aumentada no que diz respeito à área digital. 
Com especial importância, a coluna dedicada aos clientes, é de extrema importância no digital uma caracterização detalhada com os interesses, comportamentos e interações diretas com a marca, pois só assim se alcançam campanhas com maior desempenho e menor desperdício de recursos (incluindo financeiros).
2. Tático-operacional
Encontram três grandes conjuntos de informação (um primeiro dividido em: pull marketing, push marketing, permission marketing) –  em segundo o apoio ao cliente e em terceiro a área de analytics.
Esta abordagem tem por premissa orientarmos as nossas decisões baseadas em: qual o relacionamento que temos com o público-alvo e cumulativamente onde se encontra o mesmo no ciclo de compra.
Pull Marketing
Quando o cliente sabe que tem uma necessidade e se encontra em processo ativo de compra. Um cliente que já detetou a necessidade de ir de férias, poderá utilizar um motor de busca para pesquisar por “apartamentos de férias no algarve”. Há uma clara intenção do cliente que permite deduzir que se encontra em processo de compra.
Esta área agrupa os vários pontos de contato digital que podemos ter com o cliente quando a iniciativa parte do mesmo.
Push Marketing
Quando não nos é possível determinar com exatidão que o cliente está em processo ativo de compra. Esta área agrupa os vários pontos de contato digital que podemos ter com o cliente quando o queremos alcançar sem que o mesmo manifeste vontade de comprar.
Permission Marketing
As várias formas de contato pessoal/direto e autorizado com o cliente, um para um. Fazer desta relação uma relação duradoura dependerá sempre da percepção de valor do cliente (um cliente motivado por promoções leal ao preço e não a uma marca terá um comportamento diferente de um embaixador da marca).
Apoio ao cliente
Estando perante uma área de negócio onde o serviço deve ser de excelência, no marketing digital o hotel deve replicar os padrões de serviço que teria pessoalmente.
Analytics
Saber que objetivos queremos alcançar, o que medir, saber onde errámos para corrigirmos o rumo o mais rápido possível. E testar – porque opiniões não são factos.

O Marketing digital não é apenas possível a grandes grupos hoteleiros ou para quem tem grandes orçamentos. É tudo uma questão de escolhas. Não têm que implementar todos os elementos. Podem construir o caminho passo a passo para fazer crescer as vossas vendas diretas.

Comentários